• White Facebook Icon
  • White Facebook Icon

O VALOR DO SILÊNCIO - 01

4.5.2016

"A língua também é um fogo [...]" - Tiago 3:6a

 

O silêncio tem um valor muito grande, principalmente quando se trata de falar dos assuntos que dizem respeito as escrituras. Tenho visto muitos irmãos em Cristo e até mesmo pastores com uma boa vontade de divulgar o Reino e de fazer Deus conhecido através de pregações e textos devocionais, porém, muitos deles se esquecem do valor do silêncio.

 

Através de Tiago, Deus nos mostra como a língua do homem tem a capacidade de incendiar, ou seja, de acender algo dentro de outra pessoa. As palavras proferidas por uma língua sem a instrução do Espírito Santo, podem causar muitos danos e muitos males no que diz respeito a evangelização dos homens. Ao ler o capítulo 3 da carta do Tiago, acabo me lembrando do fogo estranho que o povo de Israel acendia no lugar de culto e adoração ao Senhor, e isso me faz parar e pensar que muitas pessoas têm sido incendiadas sim, mas incendiadas pelo fogo estranho produzido num coração distante de Deus e proferido por línguas não domadas pelo Espírito Santo.

 

Felizmente o homem não pode domar sua própria língua, não pode refrear por conta própria suas palavras (Salmo 141:3 e Tiago 3:8), digo felizmente pelo fato de até mesmo as nossas palavras terem que estar de baixo da autoridade e dependência do Senhor e isso é bom, pois nos mostra que mesmo tendo a capacidade de pensar e falar, não podemos ser irresponsáveis nessa tarefa. Existe um tempo e um modo de falar, e quando não se tem o que falar ou quando você quer falar algo mesmo que seja "bom" aos teus olhos mas que não provem do Senhor, melhor então é se calar. Muitos irmãos perdem a chance e a oportunidade de se calarem, pois não reconhecem esse tempo, e assim produzem com suas línguas um fogo estranho que tem incendiado toda uma geração.

 

Fique em silêncio, o silêncio também é uma manifestação do poder de Deus. Não despreze o valor do silêncio quando você não sabe o que dizer, escrever ou pregar. Se retire e fique a sós com o Senhor, fique em silêncio para ouvir a voz dEle, pois o ser humano não precisa das nossas opiniões ou percepções de como achamos que tudo deva acontecer, porém a humanidade precisa ouvir a voz do Pai, a voz do Bom Pastor chamando o seu rebanho para o aprisco.

 

Guarde sua língua de falar o que o Senhor não disse. Guarde sua língua de incendiar e acender fogo estranho nos corações dos perdidos e até mesmo dos cristãos. Que a nossa língua seja como a pena na mão do nosso Senhor!

 

"A minha língua é a pena de um destro escritor." - Salmos 45:1

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags