• White Facebook Icon
  • White Facebook Icon

A QUANTIDADE POUCO IMPORTA

"[...] e só eu fiquei; e buscam a minha vida para ma tirarem." - 1 Reis 19:14


O Senhor não se importa com a quantidade, Ele se importa com pessoas que estão dispostas a fazer a sua vontade para que seu nome seja glorificado.


Elias, apesar de ser um grande servo do Senhor, estava agindo naturalmente nessa situação. Isso nos mostra que até os mais usados pelo Pai são em alguns momentos impulsionados a agirem de acordo com aquilo que o seu coração sente, ou que seus olhos veem. Elias estava de fato sozinho, seus olhos não viam nenhum outro servo de Deus, nenhuma outra pessoa que não tivesse se rendido à idolatria, ao que era profano, etc. O que Elias não sabia era que o Senhor tinha reservado sete mil homens que assim como ele também estavam de pé e servindo Deus com fidelidade.


Não vamos falar a respeito da fidelidade desses homens, mas sim da capacidade que há em Deus de agir independentemente da situação e principalmente independentemente da quantidade. Hoje aos nossos olhos sete mil homens parece ser um número muito razoável de pessoas para lutar uma batalha, mas para toda uma nação esse número não era quase nada. Para você ter uma ideia o número de hebreus que haviam saído do Egito com Moisés era de quase 2 milhões, imagina agora o número desse povo depois de vários anos e ainda divididos em 12 tribos? Era muita gente! Sete mil homens de uma nação com milhões de pessoas é um número irrelevante, e não se esqueça que eram sete mil homens espalhados por todo Israel, ou seja, nem juntos eles estavam, porém, Deus não estava preocupado com a quantidade de pessoas que estavam prontas para a batalha, pois Ele é quem traz vitória ao seu povo. Sete mil homens poderiam ser muito úteis para Elias, mas para o Senhor tanto fazia tê-los ou não para operar a obra que Ele queria fazer, tanto que Ele nem precisou desses homens, ou seja, sete mil já era um número pequeno, e Deus ainda prefere agir com apenas três homens além do próprio Elias: Hazael, Jeú e Eliseu. Deus disse diretamente para Elias: “Elias, calma! Eu tenho sete mil homens fieis, mas vou usar somente três”. Quem faria isso irmãos? Somente o nosso Senhor! Deus nunca fez seu nome glorioso apoiado nos homens, refém da capacidade humana, aprisionado nos números ou nas quantidades, tudo isso só tem a capacidade de fascinar os próprios homens, mas não Deus.


É fantástico saber que o Senhor não estava compartilhando do mesmo desespero que Elias, e tendo todo o domínio da situação, o Senhor, com seu infinito amor e consolo, conforta o coração de Elias com a notícia de que outros homens ainda estavam servindo-o com fidelidade. Irmãos, não se preocupem com a quantidade de servos do Senhor pelas nações, existem servos fiéis a Deus em todas as partes e prontos para manifestarem a glória do Senhor mesmo estando em número menor. Nosso Senhor tinha sete mil homens que se preciso fosse dariam a vida por amor a Ele na época de Elias, mas Ele nem precisou chamá-los para fazer cumprir a sua vontade sobre Acabe e Jezabel. Deus sabe o que está fazendo, confie! O medo e a sensação de solidão e de ser o único a estar servindo o Senhor em algum lugar específico sempre virá, mas Deus também virá se manifestando a cada um de nós dizendo: “Existem sete mil, mas eu posso agir com apenas um, com apenas três, com apenas doze!”.


Que o nosso coração esteja mais confiante e certo de quem Deus é, e de que Ele pode fazer o que quer com qualquer quantidade de pessoas. Ele é quem opera a vitória para glória do seu próprio nome sobre o seu povo.

#quantidade #Deus #vitória

Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now